CAMPOS DO JORDÃO – A outra face

23 out

IMG_1772Oi gente!!!

No post anterior, descrevemos a face mais bela de Campos do Jordão: 1/3 do município dentro de um parque muito bem gerido e  preservado. Agora vamos continuar a contar a história dessa viagem (11/10/2009), mas desta vez nos vemos obrigadas a meter o pau na Suíça Brasileira por causa de sua outra face, degradada e poluída.

SUIÇA BRASILEIRA??? Até onde a gente sabe, existem sim favelas na Europa, principalmente em Madrid, França e Itália,  mas na Suíça não. Já em  Campos do Jordão  sabemos de pelo menos 5: Britador,  Vila Albertina, Vila Santo Antonio, Monte Carlo e Cachoeirinha. Todas em zona de risco de desabamento, então… alguém pode explicar a piada???

Depois de fazermos as trilhas ainda sobravam umas horinhas no nosso dia,  decidimos seguir o conselho do esquilo e “conhecer mais”. As placas indicavam duas cachoeiras  na avenida Pedro Alves Pereira , a cerca de 6 km do centro. O que vimos ali nos deixou pasmas:
IMG_1769

???

???

– Cachoeira dos Amores, Simplesmente NÃO EXISTE!!! Gente, é apenas uma placa numa curva da estrada! Em frente à placa e a uns 4 metros  barranco abaixo, se enxerga um desnível no rio, uma pequena corredeira de talvez uns 50 a 80 cm de queda, parcialmente obstruída pelo lixo (ou formada por ele, vai saber!).  Detalhe: não há acesso (nem escada, nem trilha, nem nada), só a placa.
IMG_1764– Cachoeira Véu da Noiva, Simplesmente IMUNDA e FEDORENTA!!! Do estacionamento já é possível sentir o cheiro de esgoto, mas a medida que se aproxima da cachoeira o cheiro fica insuportável. A quantidade de lixo acumulada nas margens  é absurda, mas o que assusta mesmo é a cor e o fedor da água. A cachoeira é bonita, deve ter uns 2 metros de queda e bastante volumosa, mas não dá pra ficar perto.  Em suas margens está o Tiago’s Music Bar (12)36636431, um boteco com dois palcos, lareira, e etc,  famoso por sua porção de bolinhos de truta e pela vista para a cachoeira. Quando ligamos e perguntamos se o movimento do bar não foi afetado pelas condições da água, nos responderam que não, o faturamento vai muito bem obrigado e que a conservação do local é responsabilidade da prefeitura. Perguntamos se eles não podem pelo menos o lixo das margens (quintal do bar) pra não prejudicar a vista e disseram que não. Dá pra acreditar?!!
Cachoeira Véu da Noiva

Cachoeira Véu da Noiva

No caminho de volta nossa indignação crescia à medida que líamos as faixas auto-promocionais espalhadas pelos bairros Abernéssia e Vila Capivari:

Catinga e lixo!!!

Catinga e lixo!!!

“Bem-vindo à Suíça Brasileira”; “Campos do Jordão, Conheça mais”; “Campos do Jordão, acima de suas preocupações”; “Cidade das Águas Murmurantes”; blá blá blá e etc. Que águas murmurantes? Gente, desde quando cocô fala???

Há duas semanas estamos ‘a fim de saber a verdadeira verdade’:

Secretaria do Turismo (12)3664-3525: diz que a Cachoeira dos Amores é um dos saltos que fazem parte da Cachoeira Véu da Noiva (???) e quando questionada sobre as péssimas condições da água e lixo acumulado, orienta a ligar para Secretaria de Meio Ambiente;

Secretaria de Meio Ambiente  (12)3662-3526: orienta a pedir informações na Secretaria de Obras e Vias Públicas;

Secretaria de Obras e Vias Públicas (12)3664-5100: orienta a pedir informações na SABESP;

SABESP (12)3663-3200 – finalmente alguém explicou alguma coisa:

  1. Lamentavelmente Campos de Jordão despeja o esgoto in natura (100% sem tratamento) em seus córregos e rios;
  2. Embora a rede coletora já tenha sido construída e esteja pronta para captar o esgoto de toda cidade, ainda falta a construção da E.T.E. (Estação de Tratamento de Esgotos). O projeto encontra-se em fase de licitação, desapropriação e indenização de área  e o prazo previsto para a o início de seu funcionamento é Janeiro/2012, quando começa o caro processo de despoluição dos rios.

O local onde seria instalada a ETE inicialmente foi interditado por interesse de grupos políticos, imobiliários e ambientais, e dada a existência de poucas áreas planas e fora de mananciais, a demora se estende e as condições ambientais apenas se agravam, mas isso não é o pior de tudo, a má notícia é que , esses córregos que carregam todo o esgoto da cidade (como o Ribeirão Capivari), desembocam no Rio Sapucai que alimenta a Bacia do Prata, abastecendo cerca de 46 municípios do Sul de Minas.

Como desgraça pouca é bobagem, não é apenas o cocô dos 50 mil habitantes (IBGE-2006)  que polui a água utilizada por mineiros. A cidade recebe  cerca de 1,2 milhão de turistas por ano.

Estamos tão sensibilizadas com essa situação que pensamos em encabeçar um movimento :

campos10001

“PROTEJA O MEIO AMBIENTE, SE VOCÊ FOR A CAMPOS DE JORDÃO ATÉ 2012, POR FAVOR NÃO FAÇA O NÚMERO  2 “

Infelizmente não vimos nada de especial além do crime ambiental que acontece ali e também não ouvimos nada, mas se é verdade que as águas murmuram alguma coisa, devem cantar Cazuza:

“…a burguesia fede
a burguesia quer ficar rica
enquanto houver burguesia
não vai haver poesia…”

Embora tenhamos optado pela ironia e deboche para tratar do assunto, de tudo que  já vimos em nossas viagens, isso foi realmente o mais triste. Bjs gente!

Anúncios

29 Respostas to “CAMPOS DO JORDÃO – A outra face”

  1. João Floriano 26/10/2009 às 06:51 #

    E aí ‘Playboyzada’… Só se preocupam em ganhar dinheiro e deixar as ‘fachadas’ de suas mansões lindas e maravilhosas!!
    Dá para ver que mesmo tendo dinheiro.. a ‘má’ educação impéra.

    Que vergonha….que vergonha….

    • Flávia 03/11/2009 às 16:29 #

      É realmente muito triste.

  2. Carmen Lúcia 27/10/2009 às 16:01 #

    Lamentável!!
    Isso a Globo nao mostra né?
    Não tem jeito, nós, pobres, oprimidos, renegados e ignorados, estamos destinados a beber a água de merda da burguesia mesmo…

    • Flávia 03/11/2009 às 16:31 #

      É Carmem, infelizmente a banda pobre é sempre escondida e desprezada pela banda podre.

  3. Ricardo 30/10/2009 às 23:14 #

    Pucca,
    Você está na profissão errada. Deveria tentar o jornalismo, rs.

    Muito interessante a descrição da viagem a Campos do Jordão – Parte 2. Realmente um excelente trabalho de pesquisa e, principalmente, de observação.
    Estivemos recentemente em Campos, mas apenas apreciamos a paisagem (estrangeira), ou melhor, notei que mesmo no “agito” há um riacho onde o esgoto é despejado sem dó nem piedade.
    Mas, os locais mais atingidos, lógico, ficam longe dos olhos da “alta sociedade”.
    Continuem denunciando.
    Bj e bom feriado ao grupo!

    • Flávia 03/11/2009 às 16:32 #

      Obrigada Ricardo!
      Preferimos falar de paisagens bonitas e bens preservadas, mas às vezes é preciso usar nosso “PH ácido” pra escancarar o que a maioria prefere ignorar!

  4. Suely Orestes 04/11/2009 às 19:25 #

    Nossa que absurdo pensarmos q lá é tudo maravilhoso para os “ingleses” verem mas que na realidade é um lugar imundo, é uma porquice essa história de jogarem fezes no Rio. lamentável.

    • Flávia 06/11/2009 às 16:46 #

      Suely, há um dito popular bastante apropriado ao caso: POR FORA BELA VIOLA, POR DENTRO PÃO BOLORENTO!
      Atrás das fachadas européias, falta de higiene e descaso!

  5. Nelma Rodrigues da Silva 10/11/2009 às 12:31 #

    … Olá pessoal.
    Realmente é uma situação que não depende somente de um mais sim de cada um de nós para proteger o que faz parte de nossas vidas, mais infelizmente as pessoas fecham os olhos perante a miséria e o maus tratos da natureza. Não adianta apenas cuidar do “miolo” e deixar pra lá o restante ao redor pois um dia chegará também no miolo e será tarde demais… E o lugar mais frequentado no mês de Outono e Inverno será sim, frequentado mais pelo lixo e o descaso que estão tendo agora … O descaso de Hoje é efeito de Amanhã!!!
    … Pensem Nisso!!! Agora enquanto é Tempo!!!
    Flávia … Parabéns … você sim é uma pessoa do que se preocupa com o MEIO AMBIENTE!!!

    • Flávia 12/11/2009 às 12:27 #

      Obrigada Nelma! Quanto mais vozes denunciando, maior a chance de sermos ouvidos! Bjs e volte sempre!

  6. Leila 16/11/2009 às 08:12 #

    Infelizmente essa não é a única cidade que despeja o esgoto sem tratamento nos rios, mas o que mais impressiona é que mesmo fazendo isso Campos do Jordão ainda sobreviva do turismo. Tudo em Campos de Jordão é um absurdo de caro! Se não há investimentos em infra-estrutura, pra onde será que vai essa renda?

    • Flávia 21/11/2009 às 07:22 #

      Realmente Leila, a maioria das cidades não trata seus esgotos o que nos trará em breve uma situação insustentável, agora quanto a relação entre a arrecadação e investimento em Campos do Jordão, pensamos que deve acontecer com a verba de lá o mesmo que acontece com qualquer verba em Brasília-DF, só pode né?!
      O curioso é que Campos do Jordão é um dos 12 municípios que possuem o título de Estância Climática no estado de SP e por isso recebe aportes financeiros e incentívos fiscais.
      Agora pasme: para possuir esse título a cidade deve oferecer condições especiais lazer, recreação, atrativos naturais e culturais, dispondo de infraestrutura e serviços dimensionados à atividade turística. Fala sério: Campos de Jordão ser chamada de “SUIÇA BRASILEIRA”?!!! Bjs!

  7. Maria Santos 04/01/2010 às 13:52 #

    Estou perplexa em saber que a situação de Campos do Jordão continua na mesma no que se refere a Tratamento de Esgoto, pois em 2008 estive lá para fazer um trabalho de faculdade sobre estação de tratamento de esgoto, pois cursava Tecnologia em Gestão de Planejamento Ambiental, e fomos até a secretaria de Meio Ambiente. Eu e meu grupo fomos muito bem recepcionados ( estavamos em 5 pessoas), andamos pela parte mais pobre da cidade e vimos as precariedades que há por lá, mas todo o material que nos foi fornecido, as informações que nos foi passada é que estavam prestes a resolver esta questão ambiental e pelo que vejo continuam protelando isso sabe Deus até quando. A cidade tem uma bela paisagem, mas esconde muito bem a sujeira debaixo do tapete, pois tive amigos que estiveram lá dia 01 de Janeiro de 2010 e estavam encantados co o passeio e quando eu citei que havia ido fazer um trabalho lá devido o problema de esgoto lançado no rio, todos ficaram chocados e surpresos, pois jamais imaginavam que uma coisa dessas poderia acontecer em uma cidade tão linda e aconchegante como Campos do Jordão.

    • Flávia 08/01/2010 às 07:05 #

      Olá Maria!

      A poluição e degradação ambiental é mesmo uma perda irreparável para todos nós.
      Obrigada pela visita, volte sempre!

  8. S. Junior 23/07/2010 às 23:36 #

    Estive em Visconde de Maua no final de junho.E o comentário é que uma parcela do turismo de Campos está indo para lá.
    Era o que eu temia.Adeus querida e linda Mauá.
    Um dono de pousada comentou que Mauá dura só mais 10 anos.É muito
    triste , pois vou lá desde 94 e percebi que o lugarejo está se sofisticando para atender esse novo perfil de “cliente”.
    Até “Estrada Parque” estão construindo e acabando com a serra virgem.

    • Pucca 25/07/2010 às 15:21 #

      Junior, boa tarde.
      Sempre tememos que o tipo de turista ‘depredatório’ migrasse para Visconde de Mauá. Felizmente, percebemos nos donos de pousada e habitantes de Mauá uma consciência ecológica bem maior do que em Campos. Talvez esse fator seja determinante para que Mauá continue bela como sempre foi. Vamos aguardar, e torcer para que o melhor aconteça.
      Abraço!

    • Flávia 26/07/2010 às 13:14 #

      Isso aconteceu em São Tomé das Letras, depois que asfaltaram a estrada turistas elitizados passaram a frequentar à cidade e os bichos grilos passaram a se sentir desconfortáveis em meio às famílias e excursões da Melhor Idade.
      Mas vamos torcer para que isso não aconteça com Mauá e que seu desenvolvimento seja sustentado, lembrando que os grandes reguladores são os próprios moradores.
      Êhh lugar tuuuuuudo de bom né?!!
      Obrigada pela visita!

  9. Maria Fernandes 04/06/2011 às 11:28 #

    OLá Pessoal,

    Pelo visto não houve mudança alguma em campos, estive lá há alguns anos atrás, e já havia muita sujeira, a cachoeira veu de noivas já exalava um cheiro muito ruim, mas recentemente pude perceber que nada mudou (pra melhor), a coisa por lá continua muito ruim. Preciso acreditar que algo será feito para mudar pelo menos o esgoto a céu aberto. Vamos lá, a esperança do brasileiro não morre.

    Maria

    • Flávia 06/06/2011 às 19:00 #

      Olá Maria!
      Também estamos torcendo pela melhora, não apenas porque repararia os danos ambientais, mas principalmente porque os habitantes da cidade merecem uma vida digna.
      Obrigada pela sua visita, volte sempre!
      Bjos!

  10. Adriano de Faria 16/07/2011 às 16:37 #

    Ola Flavia ! Acabei descobrindo esta pagina na net por acaso , pois estive presente na cahoceira das15 quedas em Congonhal e procurava matérias na net a respeito da mesma , pois só entrei la até a 1ª queda , mais para saber onde era o local . Agora descoberto o local , ja estou marcando o passeio para explorar as 15 quedas por la . Assim como vc , sou um amante da natureza e um admirador de pessoas que tem este estilo de vida . Parabens pelas matérias .

    • Flávia 19/07/2011 às 20:51 #

      Oi Adriano! Mesmo por acaso, seja sempre benvindo,rs!
      No caso da Cachoeira das 15 Quedas em Congonhal, um feliz acaso! A cada queda uma beleza diferente!
      Agora me diga: como vc conseguiu resistir às outras 14 quedas??? Rsrsrs…
      Bom que vc esteja voltando pois o lugar é mesmo tudo de bom e com certeza vc vai curtir muito!
      Ouvimos falar de outras cachoeiras em Congonhal, como a das Almas, mas ainda não tivemos a oportunidade de voltar.
      Fica assim então: quem encontrá-las primeiro passa a dica, ok?
      Bjo e volte sempre!

      • Adriano de Faria 27/09/2011 às 01:37 #

        Então Flavia , eu fui apenas até a 1ª queda , porque o proprietario achou melhor por medida de segurança , ja que eu estava sozinho e o local é em mata fechada . Pois bem , cerca de um mes após minha vistinha curta…rs , voltei a Congonhal e aí sim pude apreciar as 15 quedas !
        Como da pra ficar meio perdido na contagem das quedas , pois não ha sinalização das mesmas e em alguns trechos a queda é muito pequena , fomos subindo eu e mais dois amigos , e sem saber que ja havíamos chegado na 15ª queda ( na nossa contagem achávamos que era a 10ª…rs ) decidimos subir mais !
        Mas aí a trilha foi só em terra batida mesmo ( bem escorregadia mas da pra subir ) e laaaaaaa em cima , nos deparamos com uma cerca de arame farpado e uma estrada de terra . Pensamos…… será que aqui é o fim ou não ?
        Abusados , resolvemos subir mais um pouco pela estrada , e uns 200 metros acima encontramos uma residencia fechada , uma ponte de madeira e uma corredeira , mas era uma área cercada tambem , mas dava para entrar . E olha que tinha muita montanha pra subir ainda ! E com certeza , devem ter muitas quedas la pra cima . Mas decidimos voltar ( ainda bem ) , pois ao retornar a entrada onde tem o barzinho do proprietario , perguntei a ele sobre o que haviamos encontrado após a estrada , e descobrimos que a 15ª queda é até a cerca mesmo…..rs , la pra cima é de propriedade de outra pessoa e não é permitida a entrada . Inclusive ele citou que houve pessoas que foram além de onde a gente foi e quando retornaram la em baixo na entrada , reclamaram com ele que nao foram bem recebidos la em cima….hehehe , achando que la tambem fizesse parte da propriedade dele .
        Portanto gente , A trilha é permitida até a cerca de arame heim !
        Bom , eu e meus amigos adoramos o local , lindo de mais . Pra quem gosta de natureza e cachoeira é um prato cheio !
        Ah ! Almoçamos num pesqueiro indicado pelo proprietario da Cachoeira , é o pesqueiro Canaã , que fica a uns 2KMs dali .
        Comida muito boa , mas sem tantas opções . Para nós 3 ficou em 36 reais com refri incluso nesse valor .
        Tenho intenção de retornar la com certeza…..rs e quanto a cachoeira das almas Flavia , fico te devendo….rs , mas pretendo conhecer .
        Só mais um detalhe que gostaria de compartilhar , encontrei por acaso o site de uma pousada que deve ser muito boa em congonhal , é a pousada da siriema , procurem no google . Me parece que é 76 reais a diaria por pessoa com café da manha , almoço e janta inclusos . E o melhor , é perto da cachoeira das almas . Pelo menos foi o que deu a entender…..rs
        Grande abraço a todos e parabens mais uma vez pelo blog !
        MAAAAARAAAAVIIIILHOOOOOOOSOOOOOOOOOO

  11. Flávia 07/10/2011 às 16:23 #

    Olá Adriano!
    Obrigada, vou atualizar o post de Congonhal com as suas informações, mas o desafio ainda está valendo: Cachoeira das Almas!
    Obrigada pela visita, bjo!

  12. Jose Francisco Silvestre 17/02/2012 às 10:31 #

    Sensacional! Informações interessantes para turistas que vão em busca de lugares atrativos e ao chegarem se deparam com situações dessa natureza. Poluição generalizada. Continuem prestando esses serviços moçada.

    • Flávia 18/02/2012 às 11:59 #

      Oi, José!

      Só pode ser o fim do mundo mesmo, né?! Precisamos voltar na Cachoeira Véu da Noiva pra conferir se ela continua uma cachoeira de esgoto mas não temos o mínimo ânimo. Estamos torcendo para que as denúncias pelo menos tenham pressionado os governos municipal e estadual.
      Obrigada pela visita, bjo!

  13. Thaity Ellen Mendes 09/09/2012 às 20:43 #

    Acabei de chegar de Campos do jordão e que lixo de cachoeira é a tal de véu da noiva. O nome deveria ser mudado para lixo da noiva. Eu nunca vi tanto lixo em uma cachoeira.

  14. Gabriella 10/09/2013 às 11:07 #

    Fui no último final de semana para Campos do Jordão, e fiquei decepcionada quando sem querer decidir seguir as placas e visitar a cachoeira Veu da Noiva. Fala sério, nunca vi uma cachoeira tão imunda, até o rio Maracana no Rio de janeiro deve ser mais limpo do que ela.

    • Flávia 17/10/2013 às 17:34 #

      Gabriella, realmente lamentável não?!
      O tempo passa e a situação não muda: por fora bela viola, por dentro pão bolorento!
      Beijo e obrigada pela visita!

  15. Anonima 19/01/2015 às 06:30 #

    Infelizmente só vi esse comentário agora (depois da minha viagem a campos do jordão) e é triste saber que em mais de 5 anos nada mudou, e acredito que só tenha piorado! A situação das cachoeiras da cidade está muito crítica e o mau cheiro do esgoto está presente em todos os lugares, além disso os pontos turisticos são decepcionantes! É uma cidade feita só para burgueses irem passar frio nos reustaurantes mais caros que eu já aqui no estado de SP!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: