Indo… sempre indo.

7 maio

A desvantagem de morar em cidades grandes é que as belezas do lugar acabam ficando meio perdidas. A gente cria a mania besta de ir pra longe ver coisa boa, e essa mania gasta um tantão de gasolina! rs

Para quem tem carro flex, é mais divertido. Quanto mais amigos você conseguir pôr dentro do seu carro, menor fica o valor individual da gasolina, uma beleza! Eu já não tenho essa sorte. Meu carro é à gasolina, e  SÓ  à gasolina, então acostumei a abastecer no Extra (Hipermercado do grupo Pão de Açúcar), onde a gasolina aditivada custa R$ 2,25 o litro e nunca me deu problemas.  Pagamos no cartão e dividimos o valor na volta, quando já sabemos o total gasto…

Não esqueça também de dar uma olhada no nível da água do radiador, nos faróis e lanternas, no óleo e calibrar os pneus (essas besteiras que todo mundo fala e que ninguém faz, mas que podem poupar horas na beira da estrada esperando por socorro). Eu costumo largar o carro no mecânico pelo menos um dia antes, pra ele dar uma revisada em tudo e não me deixar morrer na estrada por falta de freio ou quebra de alguma peça.

Nossas casas

Fora o carro, também costumo me preparar para a viagem. Depois de escolher o lugar, pesquiso bastante sobre ele, normalmente na internet: procuro comunidades de pessoas que foram ou moram no local, as condições da estrada, os pedágios, os pontos turísticos e o valor médio da hospedagem. Como sempre vamos acampar e todo lugar tem camping, só damos uma ligada pra confirmar o valor da diária e se precisa reservar. Às vezes, dou uma olhada no valor das pousadas e casas.

Também costumo baixar uns mp3 na net e gravar em um cd. Normalmente, um pra cada viagem, porque quando volto ainda dá pra ouvir e lembrar da viagem, aproveitando mais um pouquinho! 🙂  As músicas têm que ser animadas, para ouvir dirigindo na estrada e não ter sono… rock ‘n roll é sempre bem-vindo!!! E também gente que não durma, pra bater papo enquanto tiver assunto!

No mais, leve umas besteiras pra mastigar, que dentro do carro sempre dá fome e nem sempre tem um posto bacana pra fazer parada.

Aproveite!

Anúncios

3 Respostas to “Indo… sempre indo.”

  1. Eric, o Eric ! 08/05/2009 às 01:43 #

    gente que não durma é sempre bom ! …rs

    besteiras pra comer tbm …..afinal nunca se sabe quando vc ficara preso no transito !huahauaahahuahauh

  2. V for Verônica 11/05/2009 às 07:44 #

    Olá, Pucca e Flávia!
    É isso aí! Vamos aumentar o coro do chamado ao “nomadismo temporário”, porque infelizmente alguém tem que pagar a conta no final. O bom é que a gente tá ajudando o pessoal a fazer a conta ficar bem baixinha e o aproveitamento altíssimo. E é um passando os benefícios do caminhar para o outro. Assim, esta terra vai crescer espiritual e culturalmente. Riqueza? Riqueza é justamente do que estamos falando. E é este tipo que a gente garimpa o mais importante para a vida. Felicidades para vocês!

    V for Verônica

  3. mario 17/07/2011 às 09:39 #

    voçes turista devem de evitar o estado de minas gerais prinçipalmente na região de alfenas,a poliçia rodoviaria de lá é muito corrupta e sem educação eles tem a capaçidade de romper o lacre do teu automovel só para voçê pagar guincho que é caro ,pois na certa eles tem convenio com o dono do guincho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: